Por que preservar a Mata Atlântica?

A Mata Atlântica é uma das regiões mais ricas do mundo em biodiversidade e, hoje, é considerada um dos biomas mais ameaçados do planeta, contando com apenas 8,5% de suas florestas originais.

A vasta maioria dos animais e plantas, ameaçadas de extinção no Brasil, são formas representadas nesse bioma e, das sete espécies brasileiras, consideradas extintas em tempos recentes, todas se encontravam distribuídas na Mata Atlântica, além de outras exterminadas localmente. A maior parte das nações indígenas que habitava a região, por ocasião da colonização, já foi dizimada, sendo que as remanescentes subsistem em situação precária, em terras progressivamente ameaçadas por interesses diversos. A Mata Atlântica significa, também, abrigo para várias populações tradicionais e garantia de abastecimento de água para mais de 100 milhões de pessoas. Parte significativa de seus remanescentes está, hoje, localizada em encostas de grande declividade. Sua proteção é a maior garantia para a estabilidade geológica dessas áreas, evitando, assim, as grandes catástrofes que já ocorreram onde a floresta foi suprimida, com consequências econômicas e sociais extremamente graves. Esta região abriga, ainda, belíssimas paisagens, cuja proteção é essencial ao desenvolvimento do ecoturismo, uma das atividades econômicas que mais crescem no mundo.

A região da Mata Atlântica significa, para o Brasil, o lar de cerca de 60% da população brasileira, de acordo com o IBGE (2010). E entre os principais motivos para sua preservação, podemos citar alguns como:

Regula o fluxo dos mananciais hídricos;
Assegura a fertilidade do solo da região;
Suas paisagens oferecem belezas cênicas;
Controla o equilíbrio climático;
Protege escarpas e encostas das serras;
Fonte de alimentos e plantas medicinais;
Lazer, ecoturismo, geração de renda e qualidade de vida;
E além, claro, de preservar um patrimônio histórico e cultural imenso.
floresta-mata-atlantica

Como Preservar a Mata Atlântica?

Nós também podemos ajudar a preservar a Mata Atlântica:

Compre produtos artesanais de comunidades indígenas, valorizando nossa cultura;
Não jogue lixo na natureza;
Não compre plantas nativas da Mata Atlântica, extraídas ilegalmente;
Compre, apenas, produtos feitos de madeira certificada;
Compre, somente, palmito cultivado e registrado pelo Ibama ou órgãos devidamente responsáveis;
Não compre imóveis dentro de áreas protegidas;
Valorize empresas que respeitam o meio ambiente;
Não compre animais silvestres;
Denuncie o comércio ilegal de animais silvestres e seu aprisionamento;
Evite o consumismo excessivo e desnecessário.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *